Caminhoneiro é preso após simular roubo de carga a pedido do patrão no MS

policia civil aguas claras

Um caminhoneiro foi preso tentando simular um roubo de carga nessa quinta-feira (12), em Água Clara, Mato Grosso do Sul.

Durante a noite, o caminhoneiro acionou a Polícia Militar informando ter sido vítima de um assalto entre Ilha Solteira (SP) e Selvíria (MS), por volta das 20 horas.

Ele relatou que foi rendido por dois homens armados. Em seguida, o motorista foi mantido como refém na cabine, enquanto os assaltantes subtraiam a carga de chapas de aço.

Após o assalto, o caminhoneiro contou que foi deixado em Água Clara, onde acionou a polícia.

Durante o depoimento na delegacia, os agentes acabaram suspeitando da versão contada pelo motorista.

Equipe do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Três Lagoas, que auxiliava no caso, verificou que o caminhão passou por Andradina (SP) às 21h40 e, às 22h30 estava em Três Lagoas.

Os policiais também entraram em contado com a empresa proprietária da carga, que passou as coordenadas recentes do rastreador.

Com isso, a equipe constatou que a carreta seguiu até um trevo, depois de Andradina (SP). Depois disso, o caminhão e a carga foram separados. O cavalo mecânico seguiu até Água Clara, mas o sinal de rastreio da carga sumiu.

Ao ser questionado novamente sobre o que realmente teria acontecido, o caminhoneiro acabou confessando que havia simulado o roubo da carga sob ordem do seu patrão.

Ele foi detido em flagrante, por apropriação indébita, e o patrão dele pelo mesmo crime, além de estelionato e por associação criminosa.