Caminhoneiro encontra adolescendo pegando carona em cegonha e faz o que poucos fariam

Caminhoneiro encontra adolescendo pegando carona em cegonha e faz o que poucos fariam

O caminhoneiro Dubalde Santos deu um show de empatia após encontrar um jovem pegando carona em sua carreta-cegonha, no pátio de um posto de combustíveis de Campina Grande, na Paraíba.

De acordo com o caminhoneiro, ele havia saído de Natal, no Rio Grande do Norte, e seguia para São Paulo, transportando automóveis novos.

Por volta das 18h30, já em Campina Grande, o motorista parou para conferir os pneus e a carga.

Nesse momento, ele se deparou com um jovem escondido na carroceria da carreta-cegonha.

O caminhoneiro questionou o adolescente e foi surpreendido com a resposta.

Durante a conversa, o garoto contou que perdeu a mãe durante o parto e o pai faleceu quando ele tinha 9 anos de idade.

Após a morte do pai, ele foi enviado para Recife, para morar com sua tia.

No último mês, quando completou 18 anos, o jovem decidiu voltar para São Paulo. Sem condições de comprar uma passagem, ele começou sua jornada a pé.

Uma longa viagem de 2.646,0 km, que poderia durar semanas, mas que o destino decidiu dar uma forcinha.

Comovido com a história, o caminhoneiro se prontificou a levar o jovem até Atibaia (SP), onde mora uma irmã adotiva do garoto.

Na viagem, o motorista também realizou uma vaquinha na internet. A ação, arrecadou dinheiro para a compra de roupas novas para o jovem.

O adolescente tomou um banho, dormiu na carreta e realizou as refeições junto com o caminhoneiro.

Após chegarem em São Paulo (SP), onde a carga de automóveis seria descarregada, o caminhoneiro pegou seu carro e levou o garoto até Atibaia.