Fabricantes de caminhão trabalham no combate ao Covid-19

Fabricantes de caminhão trabalham no combate ao Covid-19

Com a produção de caminhão praticamente parada durante este período de quarentena, as fabricantes de caminhões estão utilizando funcionários e equipamentos para auxiliar no combate ao covid-19 (coronavírus).

Scania:

A Scania Brasil, localizada em São Bernardo/SP; está consertando diversos respiradores quebrados de hospitais públicos.

O objetivo é arrumar 3600 aparelhos quebrados e desta forma auxiliar no combate ao COVID-19.
Este projeto é em conjunto com outras nove empresas e também com o SENAI.

Volvo:

Dedica-se a apoiar a produção de máscaras em impressora 3D em Curitiba, no Paraná.

Ford

Também se uniu ao Senai para fazer a manutenção de respiradores. Além de garantir a produção de, pelo menos, 50 mil protetores faciais feitos com lâmina de acetato.

Volkswagen
A marca alemã doou 2 mil máscaras de proteção facial para as quatro cidades onde mantém operações: São Bernardo do Campo, Taubaté e São Carlos, no estado de São Paulo, e São José dos Pinhais, no Paraná.

Mercedes-Benz

A Mercedes em São Bernardo do Campo anunciou que, em parceria com o Instituto Mauá de Tecnologia, vai produzir respiradores com uso de impressora 3D. Com a UFSCAR, Mauá e Mercedes desenvolveram máscaras de proteção facial. A produção será direcionada primeiro para hospitais da região do ABC.