Começou: MST invade duas fazendas na Bahia

MST invade duas fazendas na Bahia

Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), anunciou nessa quarta-feira (16), a invasão de duas fazendas na região da Chapada Diamantina, na Bahia.

As invasões ocorreram no fim de semana.

Líderes do movimento já haviam anunciado que retomariam ocupações com eleição de Lula.

O candidato eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT), prometeu revogar os decretos que facilitaram o porte e posse de armas por parte dos agricultores. Com isso, o MST espera que as invasões ocorram “sem risco” para seus integrantes.

BOLSONARO VS MST

MST declara apoio a Bolsonaro e PT leva rasteira - Compre Rural

Durante o Governo Bolsonaro, o número de invasões de propriedades rurais praticamente zerou.

Um fator que influenciou na redução das invasões, foi a diminuição do repasse de verbas públicas à entidades ligadas ao MST.

Durante o Governo Dilma, foram repassados R$ 100 milhões à instituições privadas sem fins lucrativos ligadas à reforma agrária.

Desde 2020, o Governo Bolsonaro não repassa mais verbas para essas instituições.

Bolsonaro deu preferência a titulação de terras das família assentadas. Só em 2021, foram emitidos 128 mil títulos de regularização fundiária. Em 2020, foram 109 mil.

Desse modo, as famílias passam de sem-terra, para proprietárias – podendo assim produzir e ter direito legal sobre a propriedade.