O significado dos números que nomeiam as rodovias brasileiras

O significado dos números que nomeiam as rodovias brasileiras

Você sabia que as numerações que nomeiam as rodovias brasileiras obedecem critérios relacionados à sua posição e orientação geográfica?

Se você conseguir decorar essas regras, acredite, ficará ainda mais fácil se localizar e seguir o trajeto correto.

As duas primeiras letras fazem referência ao tipo de rodovia, no caso as rodovias federais possuem BR em suas iniciais. Já as estaduais, possuem em seu inicial a sigla do estado, por exemplo RS.

RODOVIAS RADIAIS – INICIAL 0

Rodovias que começam com 0 são aquelas que têm origem em Brasília e seguem em rumo ao interior, desenhando um círculo ao redor da capital federal.

São apenas oito estradas radiais: BR-010, 020, 030, 040, 050, 060, 070 e 080. A BR-020, por exemplo, liga Brasília a Fortaleza

RODOVIAS LONGITUDINAIS – INICIAL 1

Rodovias que começam em 1, são aquelas que cortam o país no sentido norte-sul. Há 14 rodovias desse tipo, sendo que os números vão de 100 a 199.

De 100 a 150, são as estradas a leste de Brasília e de 151 a 199, a oeste da capital. A BR-153, por exemplo, liga Marabá (PA) a Aceguá (RS).

RODOVIAS TRANSVERSAIS – INICIAL 2

As rodovias como inicial 2 são às que cruzam o país na direção leste-oeste. Ao todo, são 21 estradas e sua nomenclatura varia de 200 a 299.

Sendo que 200 a 250 ficam com as rodovias ao norte de Brasília e 250 a 299 são rodovias ao sul de Brasília. A BR-230, por exemplo, liga Cabedelo (PB) a Benjamin Constant (AM).

RODOVIAS DIAGONAIS – INICIAL 3

Já as rodovias com inicial 3, são aquelas que seguem os rumos noroeste-sudeste ou nordeste-sudoeste.

Os números variam de 300 a 399, sendo que as pares cruzam o país na direção noroeste-sudeste e as ímpares rumam por nordeste-sudoeste. A BR-364, por exemplo, vai de Limeira (SP) a Rodrigues Alves (AC).

RODOVIAS DE LIGAÇÃO – INICIAL 4

Existem também as rodovias de ligação, com inicial 4, são aquelas que conectam duas rodovias federais ou uma rodovia federal à um ponto importante.

Ao todo, são 85 rodovias de ligação, numeradas de 400 a 499, sendo que as de 400 a 450 passam ao norte do paralelo de Brasília e as de 451 a 499 passam ao sul. A BR-407, por exemplo, vai de Piripiri (PI) a Anajé (BA)

E as rodovias estaduais?

Essas também obedecem regras de nomeação com base na sua posição e orientação geográfica.

As regras para os nomes das rodovias estaduais são bem parecidas com as das federais: as rodovias radiais, que ligam a capital ao interior, recebem números pares.

Já as estradas com números ímpares são as transversais, que cruzam o estado sem passar pela capital. Em São Paulo, por exemplo, a SP- 270 vai da capital até Presidente Prudente, chegando à divisa com o Mato Grosso do Sul.

Já a SP-425 vai do norte do estado, começando em Miguelópolis, e chega à divisa com o Paraná.

OBS: alguns estados adicionam ainda uma terceira letra no início, para identificar o tipo de domínio, vicinais e coincidentes com rodovias federais.

Fonte: Super Interessante Abril