Scania erra novamente e facilita a vida dos criminosos

Um dos problemas que mais preocupam os proprietários de caminhões Scania é o furto dos faróis e do servo de embreagem, peças que chegam a custar cerca de R$12 mil.

Pela facilidade em retirar e a exposição desses componentes, quadrilhas especializadas nesse tipo de crime, realizam o furto nos próprios postos de combustíveis, enquanto os motoristas dormem.

O isolamento acústico da cabine, aliado ao cansaço dos caminhoneiros, facilita que os criminosos retirem as peças sem serem notados.

Nos novos modelos Scania, o velho problema se repetiu, sendo agravado pelo alto preço desses componentes.

Ao abaixar a grade frontal, os parafusos que fixam os faróis já ficam visíveis e a retirada de todo o conjunto é simples, podendo ser realizada em alguns minutos.

No caso do servo da embreagem, componente que nos modelos antigos já ultrapassava o valor de R$12 mil, o furto também é realizado de forma rápida e prática, já que fica localizado na parte traseira da cabine, em um local de fácil acesso.

Após serem furtadas, essas peças são revendidas no mercado clandestino, muitas vezes, para as próprias vítimas dos furtos, já que na concessionária o custo é alto.

Empresas de acessórios desenvolvem sistema anti-furto;

Com o crescente número de caminhões roubados, empresas no ramo de acessórios desenvolveram sistemas de anti-furto para esses componentes.

No caso dos faróis, o sistema é composto por uma trava na grade, acionada por uma válvula pneumática de dentro dá cabine. Impedindo que os criminosos tenham acesso aos parafusos dos faróis.

Já no servo de embreagem, o sistema anti-furto nada mais é que uma proteção metálica que só pode ser retirada com uma chave única e que impede o acesso aos parafusos do servo. Na loja Charada Truck, essa trava pode ser encontrada pelo valor de R$380,00.